Se, frequentemente, você sente dor nas costas, é provável que já tenha relacionado o desconforto a uma lombalgia. As dores lombares acometem por volta de 90% da população mundial, sendo jovens ou idosos, podendo, inclusive, causar danos permanentes e afetar o seu bem-estar.

Elas podem ser divididas em dois tipos: aguda e crônica. A lombalgia aguda tem como característica a intensidade da dor, geralmente manifestada após a realização de esforço físico por alguns minutos, porém, também pode durar semanas, se ocasionada por mau jeito na coluna ou espasmos musculares. Já a lombalgia crônica é, principalmente, relacionada ao fator de envelhecimento, podendo durar meses ou até uma vida toda, embora seja menos intensa em relação à aguda.

Neste artigo, você encontrará informações sobre as causas mais comuns de dor na lombar, bem como suas formas de prevenção e tratamento adequado para a disfunção, como em clínica de fisioterapia em SP.

Principais causas de dor na lombar

Horas sentado na mesma posição, má postura, condições adversas de equipamentos de trabalho ou ausência de exercícios físicos regulares, o resultado é o mesmo: dor na lombar que pode comprometer diversos fatores, principalmente a qualidade de vida de milhares de pessoas.

Embora afete jovens, adultos e idosos, os mais suscetíveis à dor lombar crônica são os mais velhos, que sofrem com o processo de envelhecimento por meio da degeneração natural dos discos, ossos e articulações do corpo. Além disso, existem condições que colaboram para a piora do quadro de dor lombar, tais como: sedentarismo, fatores genéticos, tabagismo, obesidade, falta de repouso adequado e alongamento, bem como infecções mais graves.

Como prevenir dores lombares

A prevenção de dores lombares é feita, basicamente, a partir de mudanças no estilo de vida, que também se estendem ao trabalho, com a prática de atividades físicas regulares, pausas entre o expediente (especialmente para os que ficam horas em frente ao computador ou em pé todo o tempo), alongamento, reeducação estrutural da postura e alimentação saudável.

Desse modo, uma boca dica é evitar o carregamento de objetos pesados e a prática de exercícios físicos de forma irregular ou com carga alta, além do uso restritivo de salto alto, bem como a utilização de cadeiras e camas adequadas para o dia a dia.

Tratamento adequado para lombalgia

Mesmo com toda prevenção e reestruturação da postura, os casos de lombalgia podem exigir tratamento e acompanhamento realizados por um profissional. Nesse sentido, em uma clínica de fisioterapia em SP, é possível dispor de serviços como pilates, acupuntura sistêmica, fisioterapia respiratória, RPG, entre muitos outros, a fim de tratar a condição de maneira segura e eficaz.

Além disso, um fisioterapeuta é capaz de auxiliá-lo na prática de atividades físicas leves e adequadas, de modo a aumentar a mobilidade e flexibilidade do corpo, impedindo dores musculares. Esse conhecimento é fundamental para evitar que movimentos e exercícios sejam realizados de maneira irregular, com a possibilidade de piora do quadro da dor, ocasionando problemas mais graves.

A SM Care tem como objetivo promover o tratamento com excelente padrão de qualidade, visando a reabilitação dos pacientes a partir do acompanhamento e realização de exercícios essenciais para a melhora do quadro.