Veja como a fisioterapia auxilia na recuperação de cirurgia de joelho e saiba como marcar uma visita em clínica de fisioterapia na Vila Olímpia para tirar suas dúvidas.

A recuperação no pós-operatório do joelho costuma ser rápida, mas varia de caso para caso e também do tipo de cirurgia.

A fisioterapia na reabilitação de cirurgia de joelho

Após o procedimento cirúrgico, a fisioterapia deve ser iniciada o quanto antes, podendo começar logo após a operação, pois o trabalho do fisioterapeuta auxilia na recuperação da mobilidade do joelho e também na redução do inchaço (acúmulo de líquidos), além de evitar embolia pulmonar e trombose.

Portanto, o processo de recuperação deverá ser acompanhado por um fisioterapeuta pessoalmente, que deverá analisar todas as necessidades individuais do paciente.

A fisioterapia logo após a cirurgia

Logo após a cirurgia, é possível dar início ao tratamento de reabilitação colocando compressa de gelo em cima do joelho operado, por cerca de 15 minutos (a cada 2 horas). Se o joelho estiver enfaixado, o gelo pode permanecer por mais tempo (40 minutos – 6 vezes por dia).

Também é possível realizar:

  • Exercícios isométricos para as coxas;
  • Exercícios de mobilidade dos tornozelos;
  • Colocar o paciente de pé para apoiar o pé da perna operada no chão, mas sem soltar o peso do corpo sobre a perna;
  • Pode-se sentar e levantar da cama.

Alguns dias após a cirurgia:

  • Manter exercícios isométricos para as coxas;
  • Começar a treinar o uso de andador ou muletas;
  • Exercícios para dobrar e esticar a perna ainda na cama.

A fisioterapia após a alta hospitalar

Após a alta do hospital, o paciente prossegue com a fisioterapia em uma clínica ou em casa.

O tratamento correto será indicado pelo fisioterapeuta que irá acompanhar o paciente, levando em consideração sua avaliação, necessidades, limitações, e o que pode ser feito para aperfeiçoar a movimentação da perna (e reestabelecer movimentos rotineiros, como conseguir andar, subir e descer escadas, retomando as atividades diárias).

Na maioria dos casos, o tratamento poderá vir acompanhado de alguns exercícios:

  • Bicicleta ergométrica, de 15 a 20 minutos;
  • Mobilização da articulação orientada pelo fisioterapeuta;
  • Eletroterapia com TENS para alívio da dor;
  • Corrente russa para fortalecer os músculos da coxa;
  • Exercícios para dobrar e esticar o joelho, feitos sempre com a ajuda do fisioterapeuta;
  • Alongamentos para as pernas;
  • Ficar em cima de uma prancha de equilíbrio ou bosu;
  • Exercícios para fortalecer o abdômen e ajudar no equilíbrio e manutenção da boa postura.

Após, aproximadamente, um mês de fisioterapia dedicada, o paciente provavelmente conseguirá apoiar todo o peso do corpo na perna operada, podendo andar sem medo de cair.

Agachar ou apoiar 100% do peso na perna operada (ficar num pé só) são movimentos adquiridos a partir do segundo mês.

Marque visita em clínica de fisioterapia na Vila Olímpia para tirar suas dúvidas

A SM Care é uma clínica de fisioterapia na Vila Olímpia que conta com equipe de profissionais capacitados, além de equipamentos e aparelhos atualizados, para receber cada caso individualmente e, assim, determinar o tratamento adequado para reabilitação de cirurgia de joelho.