Acompanhe a importância da fisioterapia no pós-operatório de uma cirurgia do coração, e veja onde encontrar clínica de fisioterapia ATM.

Independentemente das causas de uma cirurgia cardíaca, seja por infarto ou alguma cardiopatia congênita, o pós-operatório exige total disciplina e acompanhamento profissional. Veja qual é o papel do fisioterapeuta na recuperação desse tipo de paciente.

A importância da fisioterapia no pós-operatório

É fundamental que a recuperação de um paciente em condição pós-operatória seja acompanhada por profissionais da saúde. Por isso, exames periódicos e sessões de fisioterapia são frequentes nos primeiros meses após a cirurgia cardíaca.

Quando se fala a respeito de exercícios físicos, há profissionais capacitados em auxiliar o paciente na recuperação funcional, principalmente nos casos de quem teve que passar por um procedimento cardíaco.

Por meio da realização de treinamentos cardiorrespiratórios e de fortalecimento dos músculos, apenas um profissional pode traçar o programa que suprirá as necessidades específicas de cada paciente.

Nesse sentido, além do estímulo muscular, o paciente também poderá se prevenir contra recidivas relacionadas a doenças cardíacas e também evitar complicações pulmonares que podem ser derivadas da operação.

Ao seguir cada exercício indicado, com disciplina e acompanhamento profissional, especificamente sob a assistência de excelentes fisioterapeutas, a qualidade de vida do paciente e a saúde de seu coração permanecerão garantidas.

Pós-operatório na cirurgia cardíaca

O pós-operatório é de grande importância, pois se trata do momento que definirá as repercussões da cirurgia cardíaca sobre as funções fisiológicas dos subsistemas.

Em outras palavras, o papel do fisioterapeuta, após uma cirurgia cardíaca, é avaliar o paciente fisicamente para, então, ajudá-lo a se adaptar à ventilação mecânica e, com o decorrer do tratamento, evoluir o caso visando sempre a uma total independência.

A fisioterapia no pré-operatório

O papel da fisioterapia, em algumas cirurgias, pode começar antes mesmo da operação, no chamado pré-operatório. O período pode ser usado para avaliações e orientações.

Todo paciente conta com um histórico clínico e também pode ser avaliado em relação aos aspectos laboratoriais, ventilatórios e de imagem.

Os dados coletados nas avaliações, juntamente com o histórico do paciente, possibilitam traçar todos os possíveis riscos de complicações, sendo que isso é de muita importância para que o profissional responsável esteja preparado quanto à futura conduta após a cirurgia.

A avaliação muscular também é importante para detectar se o paciente conta ou não com alguma alteração motora, como, por exemplo, déficit de força.

Marque uma consulta em clínica de fisioterapia ATM e tire duas dúvidas sobre pós-cirurgia

Para que tudo ocorra de acordo com o planejado, um profissional capacitado necessitará ter em mãos um entendimento fisiológico da convalescência da pessoa em situação de pós-operatório e, dessa maneira, conduzir o melhor tratamento fisioterápico para tornar o paciente independente, usando técnicas específicas, como ventilação não-invasiva.

Os tratamentos propostos pelo profissional objetivarão sempre a manutenção ou devolução das condições fisiológicas e, por isso, é necessário contar com a melhor clínica de fisioterapia ATM.

A SM Care é uma clínica de fisioterapia com profissionais especializados na recuperação de pacientes no pós-operatório. Marque uma consulta e tire todas as suas dúvidas.